Cultura, Arte e Tecnologia

Apresentando Andrea Hagge

10407016_1603329439910465_1394433813392638715_n

Andrea Hagge é uma amiga da mObgraphia desde o Paraty em Foco do ano passado e ela foi finalista do Prêmio mObgraphia 2015 na categoria “Street”.  Suas performances em companhia da Maria Rosa, sua filha, modelo, companheira e inspiradora são de uma sensibilidade única.

Andrea olha e vê. Dona de uma personalidade marcante e criativa, a dupla que formou com Maria Rosa encanta as platéias das esquinas e praças onde se apresentam e claro, fotografam. As duas, já que Andrea também é modelo de Rosa.

Mas melhor do que ficar tentando decifrar essa esfinge, é ouvir dela mesma o que ela tem para contar sobre seu envolvimento com a nossa musa fotografia.

Além de Andrea, por suas próprias palavras, seu trabalho em ensaios diversos.

“Mais ou menos 20 anos atrás, quando me liguei a ela – a fotografia- eu nem imaginava que virar do avesso era uma experiência mortal. Estudei no International Center of Photography na segunda metade dos anos 90 em Nova York. e de lá pra cá, a cada instante de ontem e de hoje, me permito percorrer por labirintos de infinitas possibilidades e experimentações na fotografia. Aqui no Rio de Janeiro onde resido, participei do FotoRio em 2003 com a série Pátria da Água em pinhole e 2007 com uma instalação intitulada Namorando a Rosa. Em 2005 fui uma das artistas convidadas por uma curadoria nacional para representar o Amazonas, terra onde nasci, no ano do Brasil na França, com o trabalho Terra de Guliver. Em meados de 2011, fui arrebatada por uma imensa e compreensível vontade de apresentar para o sul maravilha, a fotografia genuinamente do Amazonas. Nascia assim ,além das fronteiras amazônicas ,o Coletivo Amazonas que contava com 10 fotógrafos de Manaus. Esse impulso nos rendeu a possibilidade de mostrar nosso trabalho no festival Paraty em Foco, na sexta livre do Ateliê da Imagem e no Oi Futuro. De 5 anos para cá a paixão pelo circo , me reinventei como fotógrafa e me tornei uma lambe-lambe de praça , sou Seu Rosa, o fotógrafo do o projeto Lambe-Lambe- sonhos ambulantes que faz uma homenagem nas praças públicas das cidades brasileiras, a este personagem do nosso folclore urbano, o fotógrafo de jardim, que foi o grande responsável da disseminação do retrato fotográfico nas camadas mais populares que frequentam até hoje as praças públicas. Por fim, sou passageira das minhas viagens e protagonizo minhas inquietações com muito humor e ironia, meu sinal de nascença como artista. Sem hesitar digo que a fotografia é a substância dos meus sonhos”.

Maria di Andrea Hagge

Esta entrada foi publicada em maio 29, 2015 às 4:35 pm e está arquivada sob Uncategorized. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: