Cultura, Arte e Tecnologia

Bem vindo ao ano mOb!

 

 

Amigos, escrevemos o primeiro post de 2016 (de uma série de 3)  que apresentarão as atividades da mObgraphia Cultura Visual para este ano.

Todos sabemos que as perspectivas para o ano que começa são pouco otimistas. Todos vivemos um momento delicado na situação do país e cada um de nós enfrenta seus próprios desafios e perspectivas de transformar as dificuldades em resultados positivos.

A mObgraphia busca os mesmos objetivos, com a missão que nos propusemos a cumprir desde que criamos o movimento em fins de 2012. A missão de criar uma rede de fotógrafos, cineastas, artistas, pensadores e agitadores criativos (não importa o que façam como profissão) que buscam a possibilidade de expressar sua arte através das plataformas mobile. A produção de imagens  que chamamos de Mobgrafia, veio para ficar. Um movimento aberto, inclusivo, democrático e acima de tudo divertido. O poder que o smartphone dá a cada um de expressão e documentação do que acontece hoje no mundo é enorme e cresce a cada dia.

Nosso papel é ampliar e fortalecer este poder de contar histórias no momento em que acontecem, multiplicar uma criação assim que o artista entende que está pronta para ir ao mundo, criar condições para que as pessoas possam se reunir, debater, aprender e ensinar, irradiando mais e mais esse verdadeiro renascimento da fotografia. Sim, porque mobgrafia é fotografia. Não existe foto mobile, iphoneografia, fotografia móvel e outros nomes que tentam expressar algo que continua o mesmo: A criação e difusão de imagens. A diferença entre a mobgrafia e a fotografia é apenas a possibilidade de se captar, editar e compartilhar em tempo real aquilo que se viu, coisa que a fotografia tradicional ainda não conseguiu, embora se veja a cada dia, a preocupação dos players tradicionais em prover aos seus usuários , formas de compartilhamento das imagens criadas.  Esse é o caminho principal, a possibilidade da conexão e difusão imediata das histórias que acontecem ao nosso redor.

Pensando em tudo isso, tomamos a decisão de ampliar nosso movimento para fora do Brasil. Nossa terceira edição do Festival e Prêmio mObgraphia pela primeira vez será Latino Americana. Mais uma vez, acolhidos pelo espaço mais importante do Audio Visual Brasileiro, o MIS, Museu da Imagem e do Som. Agradecemos novamente ao André Sturm, diretor geral da instituição e toda a sua equipe por sua confiança em nosso trabalho. Este evento tem a participação especial e fundamental de Javier Siriani da Popckorn que produz o maior evento mobile da Argentina. Convidamos desde já toda a nossa rede para ficar alerta para a produção de seu material.

O evento este ano será em Junho e terá como atração principal, o trabalho do incrível Martin Parr, atual presidente da Agência Magnum, outro grande ícone da fotografia.

Amanhã, mais novidades. Muito obrigado por fazerem parte desta rede.

Até breve!

P.S.: Os cartazes acima, são alguns estudos para o cartaz oficial do evento. Tem alguma idéia bacana para nosso cartaz? Mande para nós no inbox (mensagem) de nossa página no Facebook  e você pode ganhar um convite especial para participar com a gente no festival.

10623534_10208670871677487_1201532116721089842_o

 

Esta entrada foi publicada em janeiro 1, 2016 às 3:54 pm e está arquivada sob Uncategorized. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: